21 de mai de 2012

CEADEB: Convenção das ADs na Bahia novamente é Contestada

Substituição de Líder da AD Porto Seguro (BA) causa revolta em Obreiros e Membros

Comissão de obreiros de Porto Seguro
em frente ao prédio administrativo da CEADEB 15/05 (terça-feira)


Depois de muita luta para tentar reverter à saída do pastor Alfredo Pacheco que foi tirado do cargo de presidente sem devidas justificativas por parte da CEADEB. A igreja vive dias de tristeza e indignação, por causa da forma que as coisas se desenrolaram.



Para que o leitor entenda melhor os fatos: O Pr. Alfredo a cerca de vinte dias atrás foi convidado a comparecer no prédio administrativo da CEADEB em Salvador, chegando lá foi surpreendido com o seu afastamento do campo de Porto Seguro, sobe a alegação de que alguns membros haviam o denunciado a mesa sobe acusação de mau relacionamento com a igreja.

Tendo em vista que estas acusações partiram de uma minoria e por motivos pessoais individual de cada denunciante, a igreja tomou partido do caso, discordando da medida tomada pela CEADEB, e de todas as maneiras dentro da legalidade tentou solucionar amigavelmente a situação atendendo toas as exigências da mesa diretora.

Primeiro foi enviado cerca de quinhentas assinaturas de membros da igreja em seguida foram recolhidas cinquenta e seis assinaturas de presbíteros, sendo que hoje existem sessenta e seis presbíteros em atividade no campo, ou seja, a maioria absoluta se mostrou favorável a permanência do Pr. Alfredo.

E por último uma comissão de trinta e seis obreiros foram até Salvador na sede da CEADEB em uma audiência com o presidente Pr. Valdomiro Pereira, para esclarecimentos dos fatos; os mesmos foram recebidos amigavelmente pelo presidente e tiveram a oportunidade de expor para a mesa diretora a realidade dos acontecimentos aqui em Porto Seguro inclusive esclarecendo quem são os denunciantes do Pr. Alfredo.

Então tudo aparentemente ficou resolvido, com pedidos de perdão como se manda a palavra de Deus, até que os irmãos retornaram a cidade de Porto Seguro, antes mesmo de chegarem o presidente deu parecer contrario de tudo que havia sido combinado naquela reunião, reafirmando a saída do Pr. Alfredo e ainda datando a posse de um novo pastor para o campo de Porto Seguro para próxima terça-feira, 22/05.

Fazendo com que os membros da igreja que pagam as contas da CEADEB, se sintam ludibriados e desrespeitados nos seus direitos.

A igreja é filiada a CEADEB não é uma propriedade da mesma até porque tudo que foi e está sendo construído no campo é pago com o dinheiro de seus membros sem ajuda da mesma então queremos ser respeitados em nosso direito, temos o direito de decidir se queremos ou não a permanência do Pastor, até que prove o contrario não há nada que desabone sua conduta diante da igreja, com uma administração transparente, e diversos trabalhos prestados a igreja, em dois anos e nove meses já foi feito muito mais do que em gestões passadas.


A quem afirme que tal afastamento prende-se ao fato de que ainda este ano, novamente haverá eleição para Mesa Diretora da CEADEB, e o pastor Alfredo Pacheco, líder da AD Porto Seguro (BA), apresentou candidatura ao cargo de Presidente da instituição, concorrendo assim com o atual líder, pastor Valdomiro Pereira.

Afastando pastor Alfredo da liderança do campo de Porto Seguro, para alguns, pastor Valdomiro se fortalece na corrida para reeleição.

Oremos pela AD e Convenção da Bahia, que há alguns anos esta vivendo dias de turbulência, inclusive com o desligamento da AD em Salvador e criação de uma nova convenção no estado, a CONFRAMADEB.